DIA DA MÃE TERRA 2017

Em 28 de abril de 2017,  de 14 as 21h

Venha participar da comemoração do Dia da mãe Terra, quando pessoas em todo o mundo marcam a necessidade de assumirmos a responsabilidade conjunta por um futuro sustentável.

Academia Intercultural/Det Interkulurelle Akademi comemora em parceria com o Centro para Estudos Latinoamericanos e o Instituto para inglês, alemão e Românicas (ENGEROM) na Universidade de Copenhague a solidariedade com a natureza.

Programa

14:00 – Seminário Dia da Mãe Terra (KUA1, 24.2.07)

Boas vindas da Academia Intercultural/Det Interkulturelle Akademi AIIA.

1. Maya Pasgaard – bióloga graduada pela Universidade de Copenhague (KU), especialista em meio ambiente e política ambiental (KU) e Professora Associada de Geografia (KU). Concentrando-se nas áreas de estudo do desmatamento tropical e conservação florestal, igualdade e comunidades, clima e desenvolvimento, a experiência e as dimensões de segurança na conservação da natureza. “A pesquisa do Clima em todo o mundo é distorcida – um olhar sobre as perspectivas sócio-políticas e acadêmicas”. “Os países mais ricos, menos vulneráveis e principais emissores de CO2 contribuem mais para a produção de conhecimentos sobre o clima, enquanto os países mais pobres e vulneráveis ficar para trás. A cooperação em matéria de investigação sobre o clima é agrupada e um número limitado de países dominam a nível regional. Um estudo baseado em mais de 15.000 publicações científicas com foco em países de língua espanhola, a pesquisa abre caminho para um debate sobre o conhecimento e estudo do clima. Eu me pergunto qual o papel os humanistas deveriam ou poderiam reproduzir nas ciências humanas sobre pesquisa climática, que presentemente tem sido fundamentalmente desempenhado área de ciências naturais.”

2. Tomas Refslund Poulsen – Campus Grøn, Universidade de Copenhague (KU). Metas de sustentabilidade e esforços na KU. Particularmente sobre energia e clima. Sobre a sustentabilidade no dia a dia da KU. Projeto Sustentabilidade no Sønder Campus – com o desejo de envolver os alunos. Falar sobre as preocupações dos estudantes em relação à sustentabilidade da vida cotidiana no KU / Sønder Campus.

3. Perguntas e Respostas (Ambas as apresentações e discussões serão em dinamarquês).

 

Debate

15:00 – Cerimônia da Mãe Terra por Laura Ponce Gartmann (Jardins entre os prédios 24 e 25 KUA 1)

Nós celebramos o Dia da Terra Mãe com uma cerimônia na América Latina (Equador) na região andina. A cerimônia é uma tradição antiga na cosmogonia da região que tem as suas raízes na época ou cultura pré-colombiana, que sobreviveu como um sincretismo das duas culturas.

Na cosmogonia andina reconhecemos que a Mãe Terra (Pachamama) é uma criatura viva como tudo o que existe em perfeita harmonia com o vasto universo. Como seres humanos, estamos conscientes de que somos parte do todo e não somos melhores do que todos os demais.

Na cerimônia tomamos chicha (uma bebida derivada da época inca) utilizada em cerimônias para criar uma sensação de coesão. A chicha é feita a partir de milho, diversas ervas e condimentos, tem propriedades medicinais e consiste em nutrientes, vitaminas e minerais. Ela ajuda a eliminar toxinas e tem um sabor fantástico!

Terminamos a cerimônia com uma dança popular que é também uma forma de agradecer à Mãe Terra por tudo o que recebemos dela. É muito simples e ajuda o sentido de coesão.

Laura, que está a cargo da cerimônia, é tradicionalmente conhecida como uma mulher da medicina, artista, dançarina e atriz e estuda atualmente psicomotricidade. A música será executada por Oxana Solé Sorokoletova, diretora do projeto cultural “Ballet através das fronteiras,” guia turístico independente, intérprete, dançarina, cinegrafista e fotógrafa da natureza.

16:00 – Caça Tesouro (patrocinado pela Academic Books)

17:00 – Música e confraternização (Local –  Søndre Campus  no prédio 11A (na área verde à esquerda da entrada principal).

18:00 Samba da Gente com Márcio dos Santos

Apresentação musical de grupo de músicos brasileiros, que tocará música popular brasileira (MPB) e samba.

Sexta-feira, 28 de abril de 2017 de 14 as 21h.

Universidade de Copenhague Amager Njalsgade 128, 2300 Copenhague

Apoiadores/Patrocinadores

Center for Latinamerikastudier (CLAS), Academia Intercultural/Det Interkulturelle Akademi (AiiA) e Institut for Engelsk, Germansk og Romansk ENGEROM) com o apoio da Det Humanistiske Fakultet, Humrådet,  Academic books, e Kantina Fazer.

LINK  MODER JORDS DAG – MADRE TIERRA –  DIA DA MÃE TERRA  2016

https://onedrive.live.com/?authkey=%21AKzkJ%5FSWEzj8y9s&id=C85D66588B8992E%213854&cid=0C85D66588B8992E

 

Idem 2015:

https://onedrive.live.com/redir…

Formålet med AIIA

Formålet med AIIA er at danne bro mellem den akademiske verden og det danske samfund. Vi er et forum for udvikling af personlig og professionel kontakt mellem de studerende, dimittender og undervisere, og for udveksling af viden og bibringelse af dybere kulturforståelse mellem den akademiske verden og foreninger og institutioner i Danmark. Organisationen har af denne årsag især fokus på interkulturalitet og interkulturel kommunikation.

Kontakt os

AIIA
kontakt@aiia.dk